11º Congresso Brasileiro do Algodão será realizado em Maceió – Embrapa

A capital de Alagoas será a próxima sede do Congresso Brasileiro do Algodão, que acontecerá de 29 de agosto a 1º de setembro de 2017, no Centro de Convenções de Maceió. O congresso é um dos maiores eventos da cotonicultura brasileira e abre espaço para o debate das principais demandas do setor, promovendo o intercâmbio de informações sobre a produção da fibra no país. A realização é da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa), com apoio do Instituto Brasileiro do Algodão (IBA).

article (18)Segundo a organização do congresso, além de oferecer toda a estrutura para a realização de um grande evento, as belezas naturais e a hospitalidade são alguns dos atrativos de Maceió, conhecida como a “Cidade-Sorriso” e o “Paraíso das Águas”. “Maceió é a porta de entrada para um estado pequeno em território, mas grande em atrações. Alagoas tem um litoral encantador, uma culinária irresistível e muitos atrativos no interior, principalmente na região do Rio São Francisco”, diz a Abrapa.

O congresso é aberto para todos os profissionais que atuam no setor da cotonicultura, da produção à indústria têxtil, passando pelos fornecedores de máquinas, insumos e implementos, pesquisadores, estudantes e consultores.

Sobre o CBA
A 10ª edição do Congresso Brasileiro do Algodão ocorreu em setembro de 2015 em Foz do Iguaçu, durante quatro dias de uma intensa programação focada na qualidade da produção algodoeira e no combate ao bicudo. O evento bateu recorde de participantes, com mais de 1.500 inscritos.

Realizado a cada dois anos, o Congresso Brasileiro do Algodão já foi promovido em Fortaleza/CE (1997); Ribeirão Preto/SP (1999), Campo Grande/MS (2001); Goiânia/GO (2003); Salvador/BA (2005); Uberlândia/MG (2007); Foz do Iguaçu/PR (2009); São Paulo/SP (2011), e em Brasília/DF (2013).

Edna Santos (MTB-CE 01700)
Embrapa Algodão

Fonte: Embrapa

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
O URL curto do presente artigo é: http://ruralbook.com.br/I4CF7

Você pode gostar...

Seja o primeiro a comentar