A cultura do maracujá como alternativa de renda para o produtor rural

O maracujá exige uma grande quantidade de mão-de-obra em sua produção, mas já no primeiro ano pode produzir frutos e a produção pode se prolongar por três anos. A irrigação pode ser por gravidade, que não exige muito investimentos, grandes conhecimentos para sua estruturação, nem equipamentos caros.

Os pesquisadores da Embrapa Cerrados, em Planaltina, no Distrito Federal, recomendam que na fase inicial, o plantio de culturas intercaladas, como as culturas de arroz e feijão, pode diminuir os custos de produção do maracujá.

O maracujá é uma das poucas frutas que mantêm o preço bastante estável durante o ano e não tem concorrência direta de grandes estruturas produtivas, podendo ser vendida in natura ou de forma industrializada.

Fonte: Nordeste Rural

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-4PF

ruralbook

Rodrigo Fraoli - CEO Ruralbook / Designer / Especialista em MKT Digital para o Agronegócio. * Saiba mais em #mktparaoagro - RURALBOOK *

Você pode gostar...