Armando Soares #46: Instrumento pernicioso

Um país que tem uma constituição como a do Brasil não pode se desenvolver, não pode ter segurança, não pode ter uma economia saudável, não pode ter uma boa justiça funcionando, não pode conter bandidos e assassinos com um povo desarmado, não pode ter ordem e instituições funcionando.  

A constituinte brasileira que reuniu todo o lixo político e comunista expulso pelos militares, ao qual se juntaram os políticos demagogos, ambientalistas, representantes de países estrangeiros, intelectuais e religiosos vermelhos, criou uma constituição de 88 que levou o Brasil a sua atual crise. A política ambiental que impede o desenvolvimento e persegue quem produz; a política trabalhista que é outra barreira para o desenvolvimento; as invasões de propriedades urbanas e rurais que caracterizam a ausência de autoridade e o desrespeito à lei; a lei do desarmamento que facilitou o domínio da bandidagem; a perseguição do Estado a quem produz, trabalha e gera renda; enfim todos os problemas que atazanam a vida dos brasileiros e prejudicam o desenvolvimento do país têm origem na constituição. A limpeza ideológica realizada pelos militares para salvar o Brasil do comunismo foi destruída pela constituição de 88, o que nos leva a admitir que, diante do avanço do comunismo/socialismo, e do avanço da crise institucional, social, e econômica necessário se faz levar ao poder um nome de político que possa enfrentar com coragem, sem temor a atual crise que se caracteriza pela falta de autoridade, pelo desrespeito à lei e pela fragilidade da justiça, pela total insegurança e total desgoverno.

Se a lei suprema não foi capaz de garantir os direitos fundamentais e regular a ordem econômica e social que gerou a atual crise brasileira tem que ser substituída por outra. Procurar remendá-la é o mesmo que enxugar gelo, é alimentar um tumor destruidor da pátria brasileira. Para essa missão e por tudo o que se assiste dia a dia na televisão e que se acompanha nos porões da política, o político mais indicado para essa missão é Jair Bosonaro que fala a verdade e não tem medo de jornalistas comunistas e do pessoal dos direitos humanos, uma tropa de comunistas que fazem muito mal ao Brasil. O momento brasileiro atual requer homens com coragem de enfrentar toda essa canalha bandida e comunista que ainda está agarrada no corpo estatal. No Congresso Nacional o único político que se destaca, fala a verdade e enfrenta com coragem os bandidos, os comunistas e socialistas e a podridão moral, ética política é o deputado Jair Bosonaro. A turma de comunistas e socialistas comandados por FHC e Lula que tomaram o poder e destruíram a nação tem que ser afastada do poder para que o Brasil tome novos rumos.

É irresponsabilidade e insensatez, é querer muito mal ao povo brasileiro deixar o Brasil chegar aonde chegou deixando que corruptos e bandidos roubassem bilhões ou trilhões de reais, dinheiro do trabalho honesto de brasileiros. Aí está a prova maior, uma constituição chamada cinicamente cidadã, que na prática se transformou em bandida, a grande facilitadora de toda a desgraça dos brasileiros.  Está provado com a crise que sufoca o Brasil, que a atual constituição brasileira é um instrumento pernicioso que deve ser substituída sob o comando de um presidente corajoso, íntegro, democrata e liberal.

Ninguém deve ter medo de falar a verdade, doa a quem doer. A verdade é a salvação do Brasil nesse momento tenebroso e aflitivo.

Armando Soares – economista

e-mail: armandoteixeirasoares@gmail.com  

*Todo conteúdo da postagem é de responsabilidade de seu autor.

Banner rodapé fornecedor

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-3eR

Você pode gostar...