Aumento das exportações de couro no primeiro semestre

No acumulado do primeiro semestre de 2019, o Brasil exportou 237,2 mil toneladas de couros.

Este foi o terceiro melhor resultado para o período de toda a série histórica, ficando atrás apenas de 2013 (quando foram embarcadas 241,3 mil toneladas) e 2014 (259,2 mil toneladas).

Em relação ao primeiro semestre de 2018, o volume embarcado cresceu apenas 0,7%, já as cotações caíram 58,3% (em relação ao couro verde de primeira linha no Brasil Central) nos últimos doze meses. O faturamento, por sua vez, apresentou queda de 21,6% (considerando o mesmo período).

Em junho o país embarcou 31,1 mil toneladas de couro, volume 25,7% menor na comparação anual.

Sem espaço para altas, uma vez que a demanda pelo produto final segue baixa, o mercado do couro verde continua pressionado.

No Brasil Central, o produto de primeira linha está cotado em R$0,50/kg, estável frente à última semana.

No Rio Grande do Sul, o preço do couro verde comum caiu e está em R$0,90/kg. Desvalorização de 10% em relação à semana anterior.

Reposts: DestaqueRural

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-5DL

Você pode gostar...

×