Cortinas vegetais minimizam impactos e trazem benefícios a agricultores – Embrapa

No último domingo (21), foi realizada a primeira fase da instalação de uma cortina vegetal multifuncional no agroecossistema Sítio Terra Verde, em Morro Redondo/RS. A atividade está ligada ao projeto “Subsídios técnicos para cortinamento de Estações de Tratamento de Esgotos (ETEs) operadas pela Corsan”, executado pela Embrapa Clima Temperado (Pelotas, RS), que busca avaliar o uso de espécies vegetais para minimizar os impactos das estações de tratamento de esgoto. 
 
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A cortina do Sítio Terra Verde é uma das primeiras instaladas no estado e foi constituída por cerca de 150 mudas, abrigando espécies como corticeira-do-banhado, pata-de-vaca, cedro, aroeira, acácia-negra, umbu, pitangueira, araçá, erva-mate, guabiroba, araticum, uvaia, guabiju, cereja-do-mato e mamãozinho-do-mato. Ao todo, um mutirão de dez pessoas participou da atividade.

 
Benefícios
Cortinas vegetais representam uma opção para minimizar impactos ambientais de atividades agroindustriais, além de servirem como alternativa para a produção de alimento, madeira, mel e prestação de serviços ambientais. “As cortinas unem coisas de uso comum, casando quebra-vento com cerca viva, produção de alimento e lenha, unindo outras funções”, explica o bolsista do Convênio Embrapa/Corsan ligado ao Programa de Pós-graduação em Sistemas de Produção Agrícola Familiar (SPAF/UFPel) e responsável pela atividade, Gustavo Gomes.
 
Segundo o pesquisador Adalberto Miura, coordenador do projeto pela Embrapa, a instalação de cortinas em propriedades rurais é uma forma de aplicação dos resultados das pesquisas desenvolvidas nas estações de tratamento de esgoto à realidade dos agricultores familiares da região. 
 
A iniciativa também integra as atividades do grupo de pesquisa em “Manejo e restauração ecológica da vegetação nativa” da Embrapa Clima Temperado, do qual ainda fazem parte os pesquisadores Ernestino Guarino e Letícia Penno Dereti.
 

Colaboração: Vanessa Kleber (estagiária)
Embrapa Clima Temperado

Fonte: Embrapa

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-2yY

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Validar Operação * O limite de tempo está esgotado. Por favor, recarregue o CAPTCHA.

×