Armando Soares #14: A luta contra o mal continua

 De Salomão: respondei ao louco conforme a sua loucura

Armando Soares - ColunistaA safadeza, a violência, a mentira, o clientelismo, o crime, a chantagem, os beneficiados com Bolsa Família, (preguiçosos profissionais e sugadores do sangue dos brasileiros que trabalham para se sustentar) a corrupção, a imoralidade, o comunismo bandido, os que roubaram dinheiro da estatal do petróleo, os que roubam dinheiro do cofre da Nação (mensalão), os incompetentes malandros venceram as eleições para presidente com apoio de regiões subdesenvolvidas (Amazônia e Nordeste), os ignorantes, e do Rio de Janeiro e Minas Gerais, que se consideram espertinhos, mas, na verdade, imorais, de má formação cultural e ética. Como é possível haver democracia e eleição num país onde a maioria da população é inculta, analfabeta e com família desestruturada formando seus filhos na universidade da rua?

                Will Durant, no seu extraordinário trabalho, a História da Civilização, nos ensina que a civilização é a ordem social a promover a criação cultural. Constituem-na quatro elementos: provisão econômica, organização política, tradições morais e acúmulo de conhecimentos e artes. Começa quando o caos e a insegurança chegam ao fim. Porque logo que o medo é dominado, a curiosidade e a construtividade se veem livres, e por impulso natural, o homem procura a compreensão e o embelezamento da vida. Essas condições estão ausentes da Amazônia, do Nordeste e de grande parte do resto do país, o que torna quase impraticável a prática da democracia que exige acima de tudo cultura, o grande ausente da maior parte das regiões brasileiras. Ensina ainda Durant que a civilização começa na cabana do camponês, mas só floresce nas cidades. As condições da civilização independem da raça. Podem aparecer em qualquer continente e em qualquer cor. Não são as grandes raças que fazem a civilização; é a grande civilização que faz as raças; as circunstâncias geográficas e econômicas criam cultura, e a cultura cria o tipo. As condições físicas e biológicas adverte Durant, não passam dos pré-requisitos da civilização; não a constituem, não a geram. É preciso haver ordem política, mesmo que quase se aproxime do caos, como em Florença e Roma durante o Renascimento; os homens têm que sentir que há mais alguma coisa no mundo além da morte e das taxas. E, finalmente, deverá haver educação, que é o meio de transmitir a cultura. O homem difere dos animais unicamente pela educação, a qual, podemos definir como a técnica de transmitir a civilização. Meditem sobre o que ensina Durant e poderão identificar as razões porque a Amazônia, o Nordeste e parte do Sul e Sudeste votaram na Dilma. Ao que tudo indica os nordestinos ainda não se libertaram dos coronéis substituídos com vantagem pelo PT, tendo com figura maior o “coronel” Lula; na Amazônia impera o estender a mão que substitui o esforço próprio para se sustentar e para desenvolver a região; pedir esmola (ajuda governamental), e ter uma floresta rica com frutas deliciosas e rios piscosos, lugar pra morar de graça para quê trabalhar, adquirir cultura e se preocupar em desenvolver a região? Não bastasse tudo isso, agora pode contar com a Bolsa Família. Vejam como gente incompetente levada ao governo é prejudicial ao desenvolvimento social e econômico. Ao invés de condicionar a ajuda às populações ribeirinhas amazônicas secularmente fossilizadas social e culturalmente mediante sua aculturação, aproveita a fragilidade dessas populações para tirar proveito político e contaminá-las com ideologias escravocratas. Parte do povo brasileiro vive em decadência mental e moral devido à queda de disciplina e o enfraquecimento da cepa étnica, ou devido a uma desordenada vida sexual ou a uma filosofia pessimista ou quietista; da inferiorização da elite dirigente em virtude da esterilidade dos mais aptos, e a relativa pequenez das famílias que melhor poderiam contribuir para a elevação da raça.

                No livro A Riqueza e a Pobreza das Nações, de David S. Landes se constata que o que separa nações pobres e ricas é o conhecimento. Afirma Landes: “A história nos ensina que os mais bem-sucedidos tratamentos para a pobreza vêm de dentro. A ajuda externa pode ser útil, mas, como a fortuna inesperada, também pode ser prejudicial. Pode desencorajar o esforço e plantar uma sensação paralisante de incapacidade. Como diz um aforismo africano: A mão que recebe está sempre por baixo da mão que dá. Não, o que conta é trabalho, parcimônia, honestidade, paciência, tenacidade. Para gente acossada pelo infortúnio e a fome, isso pode contribuir para uma indiferença egoísta. Mas, no fundo, nenhuma ação é tão eficaz, tão efetiva, quanto àquela que as próprias pessoas se habilitam para realizar por si mesmas, sem ajuda alheia.”.   

                Trecho do artigo Esperança naufragada do meu irmão amigo e competente jornalista Antônio Contente, enriquece este artigo que é um grito para animar a outra metade do Brasil que quer mudanças e a retirada de aventureiros do poder: “… Além de tudo a você, incauto, que votou no 13 porque Lula disse que o Aécio bebe e bate em mulher, gostaria de relembrar que nos últimos 12 anos o governo petista financiou a construção de hidrelétrica na Nicarágua para lá jorrando 800 milhões de dólares. Para Cuba, foi numerário para um porto marítimo (Mariel) e vários aeroportos. Quantos? Nada menos de 1,6 bi para um e 150 mi para outros, sempre em dólares. Para uma rodovia na Bolívia daquele índio fajuto que já humilhou o Brasil várias vezes, mandaram financiamento de 400 milhões. Isso sem falar no perdão de dívidas e auxílios a várias sanguinárias ditaduras africanas. Já pensaram tal farra nos próximos quatro anos? Enquanto isso obras, aqui, se você sabia e votou assim mesmo, é claro que não vou ser indelicado de usar a palavra burrice. Trem Bala Rio-SP, prometido em 2009 pra Copa, onde está? Saiu a Transposição do São Francisco ou só as verbas jorraram e ainda jorram nos canais esturricados? As Ferrovias Baiana e Norte Sul, você sabe algum trem nelas roda? Não roda não… Sabe quantas creches dona Dilma prometeu? Seis mil. Sabe quantas foram feitas? Apenas 1.415. E o Petrolão, sabia que o dinheiro do roubo financiou a campanha do PT em 2010? Refinaria Abreu e Lima, sabe em quanto está estimado o desvio de grana numa obra que nem em meio vai? Nada menos de U$370.000.000. Você sabia que a Petrobras, que ocupava o décimo segundo lugar entre as maiores empresas do mundo, hoje, graças ao PT, está como a 120ª? Você sabia que a qualidade da educação brasileira está entre as piores do planeta? Sabia que somos campeões na cobrança de impostos sobre medicamentos? Que a luz vai subir para cobrir o rombo das térmicas? Sabia que temos o pior retorno do imposto pago em prol do bem comum? Sabia que estamos em último lugar de crescimento na América Latina? E isso é o mínimo que posso listar agora, pois a página inteira não é minha. A ironia é que você votou no naufrágio. “Mas os afogados seremos todos nós…”.

                Como se explica que brasileiros aparentemente lúcidos puderam reeleger uma mulher que arrebentou com a economia e nada fez de bom para o Brasil e os brasileiros, e ainda contribuiu para transformar o país num paraíso estatal para beneficiar burocratas? O desemprego no Brasil não se situou em 5%, mas em 30% se levarmos em consideração que 25% estão encobertos pela Bolsa Família. Não esquecer que o desarmamento é uma arma política para evitar uma reação popular, como também que a grande mídia sabe de tudo o que acontece na política e não divulga por conveniência. Ser empresário no Brasil do PT ou dono de seu próprio negócio é uma tortura e nada justifica trabalhar para entregar o fruto do seu trabalho a vagabundos socialistas e mercenários,

O Brasil não pode continuar nas mãos de pessoas que por incompetência causaram danos à economia, que transformaram o país num território de bandidos e criminosos que matam diariamente dezenas de inocentes, que transferiram nosso dinheiro para investimentos em países comunistas. Não é mais possível viver na lama pútrida política e corrupta por mais tempo.

O comunismo não acabou, está atuando em vários países inclusive no Brasil. E nem vai acabar enquanto houver no mundo gente ignorante que amam gente assassina como Hitler, Fidel Castro, Che Guevara, Mao, Lenin, Stalin e outros animais políticos sanguinários.

A vitória da Dilma foi à vitória da corrupção, da sem-vergonhice, da safadeza, do desprezo à pátria brasileira, dos ignorantes, das almas vendidas, da política podre, da destruição da família judaico-cristã, da justiça venal, da imundície imoral, do comunismo satânico e dos destruidores da república, da democracia e do Estado de Direito. O resultado foi crise econômica, desemprego, roubo em grande escala, povo brasileiro entregue a sanha de bandidos e assassinos, saúde falida, ensino destruído, transporte coletivo em decomposição, inflação, caos completo. Tu que votaste na Dilma e que pusestes Lula e sua tropa no poder estás satisfeito em ter destruído o Brasil?

Se quiseres um Brasil desenvolvido, com segurança e sadio participa da política e põe pra correr os políticos comprovadamente incompetentes e bandidos. Está se aproximando uma nova eleição para prefeitos e vereadores. Vocês já conhecem a maioria dos candidatos. Façam o expurgo que se torna necessário e deem uma demonstração de pessoas lúcidas e de bons brasileiros.

Armando Soares – economista

e-mail: teixeira.soares@uol.com.br

 

*Todo conteúdo da postagem é de responsabilidade de seu autor.

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-2Bs

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Validar Operação * O limite de tempo está esgotado. Por favor, recarregue o CAPTCHA.