Milho acumula alta de mais de 8%, aponta Cepea – Globo Rural

Incertezas no quadro de oferta e demanda pressionam preços em meio a preocupações dos setores de aves e suínos

Em Campinas, praça de referência para o Cepea, o valor da saca de 60 quilos supera os R$ 52 (Foto: Editora Globo)

Em Campinas, praça de referência para o Cepea, o valor da saca de 60 quilos supera os R$ 52 (Foto: Editora Globo)

As incertezas quanto ao tamanho da segunda safra de milho no Brasil continuam, já que o clima não tem amenizado a situação das lavouras. É o que informa, nesta segunda-feira (30/5), o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Só no mês de maio, a valorização do cereal no mercado interno é de 8,88%, de acordo com o indicador medido pela isntituição, com base em Campinas (SP). Na última sexta-feira (27/5),  a cotação de referência fechou em R$ 52,97 a saca de 60 quilos.

“Apesar da pouca disponibilidade e da disputa pelo cereal observada em algumas regiões, no geral, compradores já se mostram reticentes em aceitar os atuais patamares, afirmando ter dificuldades no repasse das altas”, ponderam os pesquisadores, em nota.

Na nota, o Cepea ressalta que o cenário mais “delicado” em relação à oferta e demanda por milho está nos setores de aves e suínos, que dependem do produto para a alimentação dos planteis. Pesquisadores afirmam ter relatos de produtores que teriam deixado a atividade porque o preço do milho a torna inviável.

“Com isso, compradores vêm elevando a pressão sobre os preços, atentos ao início da colheita da segunda safra e ao volume de milho que vem sendo importado”, diz a nota.

Fonte: Globo Rural

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
O URL curto do presente artigo é: http://ruralbook.com.br/YcgF5

Você pode gostar...

Seja o primeiro a comentar