PA: Candidato à presidência da ABCZ divulga plano de trabalho em Belém

O pecuarista Frederico Cunha Mendes, 46 anos, candidato à presidência nas próximas eleições da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) pela Chapa ABCZ Unida roda o Brasil para divulgar seu plano de trabalho. Na companhia do presidente atual, na companhia de Luiz Claudio Paranhos, presidente atual, essa semana ele passou por Mato Grosso, Pernambuco, Paraíba e Natal, recendo muitas manifestes de apoio. Amanhã, 19 de dezembro, às 19 horas, o ponto de encontro com associados, pecuaristas e lideranças do agronegócio será em Belém (PA), na FAEPA (Federação de Agricultura e Pecuária do Pará).

Fred-Mendes-2[1]A ABCZ, sediada em Uberaba (MG), é delegada no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), no Serviço de Registro Genealógico das Raças Zebuínas e conta mais de 20 mil associados em todo o território nacional, dos quais cerca de 12 mil são ativos. Fred Mendes, como é conhecido, acumula em sua bagagem mais de 20 anos de contribuições à entidade, especialmente na gestão do Rômulo Kardec de Camargos e principalmente de Luiz Claudio Paranhos, quando superou o desafiado em tornar o PMGZ (Programa de Melhoramento Genético das Raças Zebuínas) o maior e melhor programa de melhoramento genético em todo o território nacional.

Fred criou um departamento de pesquisa e desenvolvimento dentro da entidade, adotou tecnologias avançadas e agora o programa roda internamente, que tem índices de aprovação de quase 94% dos associados. Essa é apenas uma das ações que qualificam sua candidatura. Uma de suas propostas é capacitar os mais 105 técnicos do programa espalhados pelo Brasil para que ofereçam assistência técnica total aos associados, indo além das ações cartoriais e de melhoramento genético.

“Estamos propondo uma filosofia no atendimento ainda mais eficiente. Nosso objetivo é fazer uma varredura completa nas fazendas dos associados e recomendar as soluções para que a genética expresse todo seu potencial”, diz Fred Mendes.

Quem é Fred Mendes – Conhecido entre os zebuzeiros, é uma jovem liderança que converge o faro da pecuária seletiva ao tino empresarial que a cadeia produtiva tanto necessita, endossado por um MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas. É Médico-veterinário, neto do lendário criador Torres Homem Rodrigues da Cunha, filho de José Olavo Borges Mendes, presidente da ABCZ em três ocasiões, e empresário de sucesso na área reprodutiva, sendo pioneiro no domínio da técnica de transferência de embriões e no uso da ultrassonografia aplicada à reprodução animal nas feiras de gado promovidas no Parque Fernando Costa.

Muito bem posicionado em relação às diretrizes necessárias para que a ABCZ continue evoluindo e acompanhando às necessidades de mercado, as propostas de Fred se sustentam em cinco pilares principais:

Melhoria Contínua da Prestação de Serviços – A meta é reduzir custos aos associados e aperfeiçoar os serviços já prestados. As formas de fazer isso é desburocratizando, dentro do possível, as regras do Serviço de Registro Genealógico, especialmente no que tange ao exame de DNA; desengessando o procedimento de comunicações e otimizando os processos vigentes, como já acontece com os criadores participantes do PMGZ, que passam a contar com acasalamentos gratuitos das matrizes inscritas no programa.

Representação e Participação Política – A ABCZ ganhou força e respeito com o passar das décadas, exercendo papel primordial junto à defesa da classe pecuarista e por que não dizer de todos os produtores rurais. É conselheira e interveniente na elaboração de políticas públicas que envolvam o setor e determinante quando na defesa da carne brasileira. Isso possível graças a parcerias com outras entidades-irmãs como a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (ABIEC) e às cadeiras que possui na Câmara Setorial da Carne Bovina e na Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária (CNA).

Inserção de Gestão Empresarial – A entidade máxima do zebu nada mais é hoje que uma empresa de grande porte. Por este motivo, além da necessidade de se fazer mais com menos, aprimorar os serviços prestados e reduzir os custos dos associados, a gestão deve ser conduzida de forma igualmente profissional, algo já realizado e que será levado adiante. Um bom exemplo está no gerenciamento das finanças da ABCZ, com a implantação de uma “Central de Custos”, com cada receita aplicada no próprio departamento que a gerou. “Eu explico: dinheiro advindo do PMGZ será investido no próprio programa, assim como a receita com registros serão destinadas à melhoria do Serviço de Registro Genealógico e assim sucessivamente”, esclarece Fred. Além disso, o software de gestão da ABCZ – o Produz – passará por inovações e, da mesma forma que os técnicos de campo, passará a atender os associados em assuntos extra-genética (sanidade, nutrição, manejo e adubação de pastagens).

Otimização da Infraestrutura – ABCZ, ao longo das últimas gestões, dotou o Parque Fernando Costa de uma completa estrutura para realização de eventos de promoção do zebu. Adquiriu a Estância Orestinho (OT), uma área com 70 hectares onde são desenvolvidos pesquisas e eventos voltados para inovação, transferência de tecnologia e treinamentos para associados e pecuaristas em geral. “Agora. vamos ainda mais além. Pretendemos oferecer aos associados e seus colaboradores cursos gratuitos e presenciais sobre manejo e adubação de pastagens, sanidade, reprodução, nutrição e bem-estar animal”, informa Fred.

Melhoria da Comunicação em Todas as Frentes – A ABCZ percorre o país e ouve sistematicamente os associados através de reuniões, encontros, eventos, meios eletrônicos, ouvidoria e pesquisas. Faz das críticas e sugestões uma ferramenta de melhoria contínua. A associação recebeu reclamações quanto à impossibilidade de consulta às datas de comunicação das cobrições. Essa questão já foi resolvida, da mesma forma que se tornou possível conferir e corrigir informações pendentes que necessitariam de um atendimento extra.

Fonte: Revista Pará +

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
O URL curto do presente artigo é: http://ruralbook.com.br/rbfhr5I

ruralbook

Rodrigo Fraoli – CEO Ruralbook / Designer / Especialista em MKT Digital para o Agronegócio.

* Saiba mais em #mktparaoagro – RURALBOOK *

Você pode gostar...

Seja o primeiro a comentar