Pandemia de coronavírus aumenta procura por ovos e preço já é o maior desde 2013

Segundo o Cepea, enquanto ovo branco tipo extra teve alta de 3%, valor do ovo vermelho subiu 4,3% em sete dias

ovo-ovos-ave-galinha-frango (Foto: Globo Rural)

(Foto: Globo Rural)

As cotações dos ovos atingiram o maior patamar real da série história iniciada em 2013 pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea-Esalq/USP).

O principal motivo é o aumento da demanda pelo produto e à queda na oferta, já que o número de pedidos tem superado a produção das granjas.

Isso se dá, principalmente, pela preocupação da população com uma possível falta de alimentos nas próximas semanas, por conta da pandemia de coronavírus. O efeito disso é que mercados atacadistas e varejistas tem aumentado seus pedidos.

Vermelhos valorizados

Segundo pesquisas do Cepea em Bastos (SP), onde se concentra a maior parte da produção nacional, o ovo branco tipo extra teve preço médio de R$ 116,84 a caixa de 30 dúzias na quinta-feira (2/4), alta de 3% em sete dias.

Para os ovos vermelhos, as valorizações têm sido ainda mais intensas. Com produção geralmente inferior à de ovos brancos, a cadeia é mais sensível a elevações de demanda. Na praça paulista, a caixa valia R$ 137,36 na quinta (2/4), alta de 4,3% na semana.

Fonte: Globorural

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-5YP

Você pode gostar...