Projeto AgroVárzea avalia desempenho em 2016 e discute ações para o próximo ano – Agência Pará

FOTO: ASCOM / IDEFLOR-BIO
DATA: 20.12.2016
BELÉM – PARÁ

Produtores da Área de Proteção Ambiental (APA) da Ilha do Combu, APA Belém e do Refúgio de Vida Silvestre (Revis) Metrópole da Amazônia, participaram nesta terça-feira (20) da última reunião de 2016 do “Projeto AgroVárzea”, do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-bio).

No encontro foi avaliado o andamento das atividades do projeto, criado pela Gerência da Região Administrativa de Belém (GRB/Ideflor-bio), instalada há cerca de oito meses, e discutidas ações que poderão ser implementadas em 2017.

Dentre as atividades estabelecidas no calendário do AgroVárzea já foram realizados intercâmbios, vivências rurais, feiras, curso de sistemas agroflorestais, curso de boas práticas e manipulação de alimentos, além de capacitações teóricas abordando temas como elaboração de roteiro turístico e hospitalidade a turistas.

O “Projeto AgroVárzea” incentiva a agricultura familiar e o turismo rural, por meio da diversificação da produção nas comunidades de populações tradicionais que estão dentro e no entorno das Unidades de Conservação próximas a Belém. A iniciativa prioriza as espécies nativas de interesse da população local e busca resultados positivos nos aspectos ambiental, social e econômico dentro das UCs.

Por Denise Silva

Fonte: Agência Pará

Banner rodapé fornecedor

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
O URL curto deste artigo é: https://wp.me/p49eYW-33U

Você pode gostar...

×