WhatsApp - 94.99148.2775

Soja: Alta demanda e bons preços

Com o bom momento da soja, produtores aproveitam para comercializar a produção remanescente do ano passado e para travar o contrato para parte da produção futura. O preço da saca do grão, que pode chegar a R$ 70, é consequência de um conjunto de fatores: baixo estoque mundial e demanda crescente do produto.

Foto: Jonas Oliveira/AENoticias

Foto: Jonas Oliveira/AENoticias

De acordo com o Núcleo Regional da SEAB Cianorte (PR), o baixo estoque mundial é resultado da quebra da safra 2011/2012 na América Latina, principalmente no Brasil e na Argentina, em função de fatores climáticos. A demanda crescente do produto deve-se ao crescimento da economia mundial nos países emergentes, como Brasil, China e Índia, e o proporcional aumento do consumo direto e indireto.

O preço é considerado bom em função do custo de produção e preço de venda. A estimativa do Deral é de que o custo de produção variável da soja convencional esteja na faixa de R$ 26 por saca, para uma produtividade média de 3.000 kg/hectare. O preço médio histórico por saca pago ao produtor encontra-se na faixa de U$ 14/15, contra um preço atual aproximado de U$ 33.

O presente cenário leva os produtores ao travamento da produção, uma proteção contra uma eventual queda de preço. De acordo com o coordenador da DCA, da SEAB/PR – DERAL, Marcelo Garrido Moreira, o produtor vende a soja que vai colher no futuro por um preço já combinado. “Depende muito do comportamento do mercado. Se ele fixar um preço e as cotações forem menores na época da entrega, ele fez um bom negócio, porém, se acontecer o contrário, ele pode deixar de ganhar dinheiro”, explica.

Por ser resultado da combinação de muitos fatores, não é possível saber até quando a soja será a “menina dos olhos” dos produtores, mas deve continuar por algumas safras. O estoque mundial está abaixo do normal e os fatores climáticos influenciam decisivamente. O consumo mundial aumenta a cada dia e a oferta ainda é menor.

Na safra 2012/2013 a produção de soja foi recorde, com um aumento de 46% sobre a safra 2011/12. O volume colhido atingiu 15,82 milhões de toneladas, cerca de 5 milhões de toneladas a mais que a anterior.

Fonte: CBN

Foi útil a notícia? Seja o primeiro a comentar.
O URL curto do presente artigo é: http://ruralbook.com.br/rbxXkUB
Sobre o autor
Rodrigo Fraoli - CEO Ruralbook / Designer / Especialista em MKT Digital para o Agronegócio. * Saiba mais em #mktparaoagro - RURALBOOK *

Posts relacionados

Seja o primeiro a comentar