61º Encontro Ruralista: FAEPA em Foco – Tecnologia, Inovação e Comunicação Impulsionando o Agronegócio Paraense

A Federação da Agricultura e Pecuária do Pará (FAEPA) se destacou como protagonista do 61º Encontro Ruralista, realizado em Belém, sob o tema “Agro 4.0: tecnologia, inovação e comunicação”. O evento reuniu lideranças do setor agropecuário, especialistas e produtores para debater os avanços e desafios do agronegócio no Pará e no Brasil.

Tecnologia 4.0: Transformando o Campo Paraense

A FAEPA se colocou na vanguarda da inovação tecnológica no campo, apresentando diversas iniciativas que visam impulsionar a adoção de tecnologias 4.0 no agronegócio paraense:

Plataforma Digital: Uma plataforma digital completa foi lançada, conectando produtores rurais a serviços, informações e mercados. A plataforma oferece ferramentas de gestão da produção, acompanhamento de preços, e-commerce para venda de produtos agrícolas, além de canais de comunicação direta com a FAEPA e outros órgãos do setor.

Programa de Capacitação: Um amplo programa de capacitação foi lançado para qualificar os produtores rurais paraenses no uso das tecnologias 4.0. O programa oferece cursos presenciais e online sobre diversos temas, como agricultura de precisão, internet das coisas, big data e análise de dados.

Comunicação Eficaz para Fortalecer o Agronegócio

A FAEPA também se destacou por sua liderança na área da comunicação do agronegócio, lançando uma nova campanha de comunicação durante o evento:

Campanha de Comunicação: A campanha, que utiliza diversos canais de comunicação, como TV, rádio, internet e redes sociais, visa conscientizar a população sobre a importância do agronegócio paraense para o desenvolvimento do estado e do país, fortalecendo a imagem do produtor rural paraense.

Destaques da FAEPA no Evento

Abertura do Evento: O presidente da FAEPA, Carlos Xavier, abriu o evento com um discurso inspirador sobre o futuro do agronegócio paraense, destacando a importância da tecnologia, da inovação e da comunicação para o desenvolvimento do setor. “Hoje o Pará já tem o segundo maior rebanho bovino, bubalino e equino do Brasil. Somos o primeiro do mundo e do Brasil em açaí, então estamos caminhando na direção do nosso desenvolvimento. Se juntarmos energia e água, e trabalharmos os 12 meses com 7 milhões de hectares irrigados, absorvendo tecnologia, nós vamos ajudar o Brasil a alimentar o mundo”, disse Xavier.

Painel sobre Regularização Fundiária: A FAEPA promoveu um painel sobre regularização fundiária, um tema de grande interesse para os produtores rurais paraenses. O painel contou com a participação de especialistas do setor que discutiram as novas regras e os desafios da regularização fundiária na Amazônia. José Henrique Pereira, assessor técnico da Comissão Nacional de Assuntos Fundiários da CNA, e Rodrigo Kaufmann, consultor jurídico da CNA, discutiram as novas regulamentações e os desafios enfrentados pelos produtores. Eles destacaram a importância de uma política fundiária que facilite a regularização das propriedades e permita o acesso ao crédito, especialmente para pequenos e médios produtores na Amazônia.

Palestra sobre Comunicação: A FAEPA realizou uma palestra sobre comunicação do agronegócio, com o objetivo de auxiliar os produtores rurais a comunicar melhor seus produtos e serviços. A palestra foi ministrada por um especialista em comunicação com ampla experiência no setor agropecuário. Durante o evento, Estelito Diniz Rocha Junior, coordenador de Conteúdo Audio-Visual do Sistema CNA/Senar, palestrou sobre a comunicação do Sistema CNA, destacando estratégias e ações para fortalecer a imagem do setor agropecuário.

Outro destaque do evento foi a apresentação de Mateus Moraes Tavares, técnico da Diretoria de Educação Profissional e Promoção Social do Senar, que falou sobre o Agro 4.0 e a importância da tecnologia para o levantamento de dados e informações, permitindo aos produtores uma melhor gestão de seus negócios. “É preciso criar uma rotina de monitoramento e análise dessas informações coletadas em campo para que possa agir no sentido de ganho em eficiência e redução de custos. A tecnologia é aliada porque permite que esses dados sejam coletados com confiabilidade”, afirmou Tavares.

Além das palestras e debates, o 61º Encontro Ruralista ofereceu um espaço de networking e negócios, com uma área de exposição onde empresas apresentaram suas soluções para o agronegócio paraense. O evento proporcionou oportunidades valiosas para os participantes, promovendo a troca de conhecimentos e a inovação no setor.

Com a realização do 61º Encontro Ruralista, a FAEPA reafirma seu compromisso com o desenvolvimento sustentável e tecnológico do agronegócio no Pará, fortalecendo a posição do estado como um importante polo agropecuário do Brasil.

Por: Sistema FAEPA

Quer receber nossas matérias, reportagens e conteúdos em primeira mão?

Faça parte de nossos grupos – Central Ruralbook

Sugestões de pauta envie para:

Whatsapp: (94) 99220-9471 – Email: redacao@ruralbook.com

Vídeos Curtos