Brasil já embarcou 3,6 milhões de toneladas de milho em dezembro

Volume é 59% do total de dezembro/22 e média diária de exportação está 18% maior do que o registrado no último mês do ano passado

Ao término da segunda semana de dezembro, o Brasil já havia embarcado 3.684.573,3 toneladas de milho não moído (exceto milho doce) para exportação, de acordo com o reporte da Secretaria de Comércio Exterior (Secex). Isso já representa 59% do total exportado em dezembro de 2022 (6.244.707,6 toneladas).

Com isso, a média diária de embarques nestes 11 primeiros dias úteis do mês ficou em 334.961 toneladas, o que na comparação ao mesmo período do ano passado, representou elevação de 18% com relação as 283.850,3 do décimo segundo mês de 2022.

O Analista de Mercado da Grão Direto, Ruan Sene, elencou as exportações como o grande destaque do mercado de milho em 2023 e foram fator fundamental para trazer uma recuperação de preços na reta final do ano.

Sene destaca que o país deve encerrar 2023 batendo recorde de embarque de milho, com destaque para a China, que começou a comprar o grão brasileiro no final de 2022, mas entrou no mercado pra valer em 2023, se tornando nosso principal comprador.

Em termos financeiros, o Brasil já arrecadou um total de US$ 855,406 milhões no período, contra US$ 1,810 bilhão de todo dezembro do ano passado. O que na média diária, deixa o atual mês com queda de 5,5% ficando com US$ 77,764 milhões por dia útil contra US$ 82,290 milhões no último mês de dezembro.

Já o preço por tonelada obtido caiu 19,9% no período, saindo dos US$ 289,90 no ano passado para US$ 289,90 no mês.

Fonte: Notícias Agrícolas

Mais Agronotícias